Todos os Artigos Edgar Martins

Pedra Boji

boji

Tão antiga quanto a própria Terra, a Pedra Boji ou Boji Stone, é originária da base de uma pirâmide natural formada no estado do Kansas, EUA. Elas existem em dois tipos distintos, sendo as lisas de energia feminina (Yin), e as protuberantes de energia masculina (Yang). São sempre usadas aos pares para equilibrar essas energias, alinhar os chakras e os corpos sutis e para remover bloqueios psíquicos.

De acordo com os conhecimentos esotéricos, a pedra Boji é capaz de melhorar o funcionamento do cérebro e também de ajudar a recuperar a memória de curto e longo prazo. No corpo físico ela ajuda nos casos de dores de cabeça e também melhora o equilíbrio hormonal. Nesta seção você encontra opções para comprar pedra Boji original e então usufruir de suas energias capazes de nos equilibrar energeticamente.

As Pedras Boji equilibram e revitalizam, e o par equilibra as energias masculinas e femininas dentro do corpo, alinha os chacras e os corpos sutis.

As Pedras Boji são muito eficientes para ancorar a energia. Elas nos fazem voltar suavemente à terra e para o nosso corpo, ancorando-nos no presente, especialmente depois de entrarmos em contato com outras realidades espirituais. Elas são extremamente úteis para pessoas que têm dificuldade para finar os pés nesta encarnação. Um ótima pedra para liberar bloqueios emocionais e estabilizar o seu corpo emocional.

As Pedras Boji lançam luz nos bloqueios de todos os níveis. Elas dão vazão a emoções bloqueadas e lembranças dolorosas. Também revelam padrões de pensamentos negativos e comportamentos defensivos que sabotam a autotransformação. Ao segurar as pedras Boji vocês irão entrar em sintonia com a sua sombra e trazer à tona características reprimidas, descobrindo os dons que elas encobram.

 

Muita Luz 

Edgar Martins 

Fontes: Simone Costa / cristaisaquarius.com.br

Logo Escola Flor da Vida II cópia

Sobre o autor | Website

Deixe um comentário abaixo:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!