Kryon sobre 2020 parte 1

Saudações meus queridos, eu sou Kryon do Serviço Magnético.

Tem sido um dia longo, cheio de ensinamentos, descoberta, revelação, instruções, compaixão, benevolência, beleza e eu gostaria de encerrar este tempo com informação. Tradicionalmente, este encontro em particular no final do ano, o encontro da sala de casa, eu falo um pouco sobre aquilo que está no campo, e eu sempre fiz isto.

Meus queridos isto não são predições, isto é o que está acontecendo no planeta.

O campo representa todos os potenciais alinhados juntos, ele também representa uma coerência de alinhamentos que quer dizer com todos os potenciais que existem, alguns deles são coerentes.

Aqueles são aqueles que são mais aptos a acontecerem. Ler o campo sempre foi algo que aqueles que vão para fora e predizem, acessarão e acessaram o campo, mas só ultimamente que vocês perceberam que aqueles que leem aquilo que está além, não apenas captam potenciais mas agora estão buscando potenciais coerentes. Há tantos potenciais lá que simplesmente não acontecerão. E ao invés de trazê-los e amedrontar a todos, procurem pelos coerentes. Eu darei alguns esta noite.

Primeiro eu quero contar sobre este ano que está vindo. Quando vocês dão uma olhada metafisicamente, esotericamente, para os tempos, datas, anos, não há acasos eles serem numerados. Agora, eles são numerados sequencialmente porque é assim que vocês fazem, no entanto, os números sempre significam algo, sempre. Esta é uma das premissas. É difícil compreender para aqueles que dizem que tudo é aleatório, mas não é.

Os antigos tibetanos, muitos dos indígenas, por milhares de anos olharam para os números como aquilo que dizia algo a eles sobre aquilo que estava acontecendo ou sobre o que vai acontecer ou que poderia acontecer. O famoso matemático Pitágoras, ficava intrigado, além de suas habilidades matemáticas, com a energia dos números.

2020 poderia parecer ser um 4 pois vocês adicionam os números e tem um quatro e então vocês dão uma olhada ao que muitos dos sistemas na numerologia acessaria ou atribuiria ao 4 e isso seria Terra, Gaia, mas no sistema, a maioria dos sistemas de numerologia, há algo especial sobre um duplo dígito.

Se você nesse caso em particular ignorar os zeros, você terá um 22. E no sistema tibetano nós discutimos o 22. Esse número em particular tem a ver com aquilo que eu descreverei como lei cósmica.

Agora, vocês nunca me ouviram discutir lei cósmica antes. Toda a palavra lei cósmica é uma metáfora pois na verdade não há verdadeiras leis de Deus, mas há axiomas, altruísmos, verdades centrais e Lei Cósmica representa isso.

E uma das verdades centrais da lei cósmica tem a ver com escuridão e luz e tem a ver com as coisas que eu disse a vocês por tanto tempo, a respeito da luz ser ativa e a escuridão ser passiva. Este planeta em particular tem algo chamado dualidade e eu quero descrever isso. Em apenas um instante, 22 trata-se de dualidade realçada, trata-se de dualidade corretiva. 22 é um número mestre difícil pois ele tem a ver com escuridão e luz, lei cósmica.

Desde 2012 eu tenho dito à vocês que o quociente, o equilíbrio, a razão entre a luz e a escuridão estava começando a mudar. Começou a mudar enormemente. É responsável por tantas coisas que vocês veem agora o que vocês não viam antes, jamais neste planeta.

Quando a integridade começa a importar, na verdade há aqueles que estão começando a fazer diferença na sociedade como a de vocês, uma sociedade moderna onde injustiças estão começando a ser vistas e começando a ser lidadas. Justiças que aconteceram por centenas de anos agora estão na ponta, não são mais aceitáveis. A enganação, o mau comportamento, todos esse tipo de coisas começando a se mostrar, isto é lei cósmica. É isto que acontece quando a luz começa a vencer sobre a escuridão.

Mas, vamos voltar por um momento e falar sobre dualidade. O que é dualidade? Dualidade é aquilo que é um processo que os humanos tem, que os humanos tem, onde vocês tem livre arbítrio para olhar tanto para as coisas iluminadas e as coisas escuras, e para qualquer caminho que vocês quiserem, qualquer um. E desde o início eu tenho dito à vocês que este é o ano, a marca do teste de energia livre arbítrio. E no entanto há aqueles que dirão que Deus deu a você livre arbítrio e depois julgou vocês imediatamente por sua escolha e não é isso o que aconteceu.

Deixe-me dizer-lhes algo mais sobre a dualidade. Dualidade pertence a humanidade, pertence a humanidade, pertence a humanidade. A dualidade é parte do seu teste. A dualidade não existe com Deus. Deus não é parte de um teste meus queridos.

O Criador de Tudo o Que É, a essência do amor e da compaixão, a beleza, além de qualquer compreensão, que criou você, que fica e permanece com você, que te ama e conhece o seu nome, aquele Deus não tem dualidade e eu menciono isto novamente e outra vez e outra, para que finalmente haja aqueles que compreenderão que não poderia haver uma guerra no céu ou um anjo caído, porque Deus não tem dualidade.

Não se tem escuridão e luz no céu. Você não tem escuridão e luz neste lugar chamado a Fonte Criativa. Há apenas a Luz, há apenas Amor. E esta é a beleza, porque isto está em você.

Então, para aqueles que poderiam ir por aí dizendo: bem, Deus é simplesmente um espelho da consciência humana e há horrores, e anjos caídos e tortura, inferno, e eu falei novamente vocês estão falando sobre vocês e não sobre Deus.

E, eventualmente, aquele fato em particular, e aquela realização em particular irão reescrever algumas religiões deste planeta. Algumas delas já aceitando o amor de Deus tão nobremente que estão confusos com toda a mitologia. Começarão a compreender algumas das verdades centrais que estão lá e que são tão belas. E isto porque a luz está começando a vencer.

Coisa interessante sobre a dualidade, sobre as quais eu nunca falei, eu quero falar sobre a neblina da dualidade é apenas um instante. Você sabia, eu já disse isso antes, que a sua escolha consciente de escuridão e luz, na verdade expõe coisas no nível de escuridão ou luz que vocês criaram.

Um exemplo: você cria o que você pensa, você cria o nível de escuridão ou luz que você projeta. Vocês são autos criadores meus queridos e agora darei à vocês um conceito. Talvez vocês nunca tenham pensado a respeito. Tudo é parte do nevoeiro da dualidade. Você percebeu, ou você já analisou ou até mesmo pensou sobre o fato de que invenções neste planeta quase sempre acontecem todas de uma vez só, em um certo tempo.

Então, enquanto um homem ou uma mulher podem ter inventado algo que mudaria a Terra, tenha sido a eletricidade, o raro, ou o que quer que seja, vocês descobrirão que isto estava acontecendo por toda a Terra ao mesmo tempo e talvez uma pessoa somente venceu outra por uma semana. Não é interessante que essas coisas acontecem todas de uma vez só quando é o tempo?

O pai do meu parceiro, o Senhor Karroll, o pai do meu parceiro nasceu antes dos irmãos Wright terem voado. Como é que vocês sentem isso, quanto tempo vocês tem tido voo. Parece para você que aquilo poderia ter acontecido no momento certo, na hora certa, dado ao planeta todo de uma vez só. Você está consciente de que os irmãos Wright apenas venceram os franceses por duas semanas no voo com energia. Aconteceu tudo de uma vez só. O nevoeiro da dualidade se levanta e dá a vocês coisas que vocês precisam ou coisas que vocês pensam ou coisas que vocês criam.

Veja parte 2 do artigo dia 25/04

Muita Luz,

Edgar Martins

Fonte: https://www.spaltron.net/de-coracao-a-coracao/kryon-2020/

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!