O Caminho das Pedras Parte – II

Crocoíta

 

É uma pedra rara, transparente, de cor laranja ou vermelho alaranjado e de composição química PbCrO4 (cromato de chumbo). É proveniente da Tasmânia (Austrália). Agindo diretamente sobre o segundo chakra, a crocoíta potencializa a energia sexual a níveis muitidimensionais, aumentando infinitamente nosso potencial de criação, de vitalidade e de coragem. Desperta em nós a consciência da vida infinita, procurando uma maior interação dos corpos sutis para a criação e manifestação de novas realidades, tanto a nível espiritual como físico. Dá-nos coragem e disposição para enfrentar o desconhecido, sem medos ou hesitações. No plano físico, fortalece os órgãos de reprodução, promovendo vitalidade e grande fluxo de energia. Aumenta a nossa consciência de pertencermos ao planeta, nosso sentimento de amor e apreciação pela Natureza e por tudo que faz parte, como nós, deste grande ser vivo que é a Terra. Representa o núcleo da Terra, a energia da matéria ígnea, o magma, a força vital, criadora e motriz.

Diamante

5454_o-que-e-diamante-formacao-628x250

A mais nobre das pedras preciosas, o diamante é o carbono cristalizado, de símbolo químico C. É transparente e sua coloração pode variar do incolor ao negro. As principais jazidas se encontram na África, Sibéria, Índia e Brasil. Atua principalmente sobre o chakra coronário (sétimo), mas pode ativar e energizar todos os outros. Símbolo mais alto da luz branca, ajuda-nos através da transformação, pela qual chegamos a um estado de não dualidade. Neste estado, podemos utilizar esta luz em todos os aspectos de nosso ser.

A energia do diamante fortalece as funções cerebrais e ajudam o alinhamento dos ossos do crânio. Ele pode ser utilizado no tratamento de todas as doenças ligadas ao cérebro, ao sistema nervoso e às glândulas pineal e pituitária. Ajuda a eliminar bloqueios no chakra coronário e na personalidade. Afastando a negatividade, purifica o corpo físico e o etérico. Promove a comunhão com o Eu Superior e amplifica as energias da abundância, da inocência, da pureza e da fidelidade.

Diamante Herkimer

É um tipo de cristal de quartzo (SiO2 – óxido de silício) encontrado unicamente nas minas de Herkimer, estado de New York. Por sua clareza excepcional, parece um diamante e pode substituí-lo em trabalhos energéticos. Atua no chakra coronário (sétimo) e também ativa o “Estrela da Alma” (décimo-primeiro). Promove a limpeza dos corpos sutis e equilibra a energia dentro do corpo e da mente, também purificando. Aumenta a percepção dos sonhos e ajuda em experiências conscientes fora do corpo, por isso sendo também conhecido como “cristal dos sonhos”. Guarda informações e amplifica formas-pensamento positivas, Colocado sobre o corpo, limpa e dissolve bloqueios em áreas emocionalmente tensas e congestionadas.

Dioptásio

É um mineral transparente, de cor verde esmeralda, de composição química Cu6 (Si6O18)6H2O (silicato de cobre hidratado). As principais jazidas estão na Namíbia e no Zaire. Atua no chakra cardíaco e tem a capacidade de fazer com que seu raio verde de cura penetre nos recessos mais profundos e escondidos de nosso coração, dissipando dores e medos enraizados e esquecidos. Sua forte energia faz com que dores emocionais, mesmo aquelas trazidas de vidas anteriores, sejam transmutadas, e o coração se manifesta em sua totalidade, pronto para receber e emitir a energia do amor novo transformando todo o nosso ser. Promove a união com o nosso próprio ser, eliminando quaisquer sentimentos de separação, fazendo a conexão direta com a fonte universal do amor. Usado sobre o quarto chakra, o dioptásio nos faz sentir uma verdadeira renovação do coração, dissipando todas as feridas antigas e nos dando ânimo e disposição para usar toda a potencialidade do coração rejuvenescido, transformando todos os padrões preestabelecidos de nossa relação com o amor.

Enxofre

O cristal do enxofre é amarelo claro, translúcido e seu símbolo químico é S (enxofre). É encontrado principalmente no México, Bolívia, EUA, Índia e Japão. Trabalha no plexo solar (terceiro chakra), e sua principal função é a de eliminação. Por isso mesmo é muito benéfico para a parte inferior do aparelho digestivo, auxiliando os órgãos de filtragem e eliminação (fígado, rins, vesícula, baço, pâncreas, bexiga e intestinos). Não deve ser colocado em água, pois se dissolve muito facilmente. Para limpá-lo energeticamente, o método mais efetivo é o uso da selenita. Nas civilizações antigas era comum queimar-se o enxofre para afastar demônios e maus espíritos e para proteger as habitações contra energias negativas. Pode ser usado também para aliviar sensações de queimadura e problemas da pele. Seu uso no plexo solar ajuda a eliminar sentimentos de raiva, depressão, irritabilidade e egoísmo, e para aumentar a força de vontade e o poder de argumentação.

 

Esmeralda

É um mineral verde, de transparente a opaco e composição química Be3Al2 (SiO3)6 (silicato de berílio e alumínio). Atua no chakra cardíaco (quarto) e simboliza a energia verde da cura. Ajuda a revitalizar o corpo físico, normaliza a pressão arterial e é a grande especialista das doenças do coração. Sua energia está relacionado com o renascimento, abundância e a maturidade. Na área psicológica, proporciona equilíbrio emocional e mental, harmonia e habilidade de expressão. Deve ser usada sozinha, pois sua energia não se compatibiliza com a de outras pedras, com exceção do diamante.

Fenacita

images (7)
É uma pedra rara, incolor e transparente, formada por várias faces naturais, com brilho vítreo. Sua composição química é Be2 (SiO4) (silicato de berílio), e é encontrada no Brasil, Madagascar, Rússia e EUA. Atua principalmente no “Portal das Estrelas” (décimo-segundo chakra) e nos outros chakras acima da cabeça. Tem a capacidade de nos unir às energias provenientes do Sol Central do Universo, principalmente às energias angélicas. Em meditação com a fenacita, passamos a compreender a multidimensionalidade de nosso ser e a unicidade com Deus/Deusa/Tudo O Que Existe e nossa essência angélica. Recomendamos bastante prática com as pedras mais simples, como o cristal de quartzo, a ametista e o diamante Herkimer, antes de começar a praticar meditações com a fenacita. A energia é muito forte, e para que se atinjam bons resultados é necessário muita prática e conhecimento.

Fluorita

É um mineral transparente ou translúcido, que pode ser encontrado em diversas tonalidades, do incolor ao violeta, sendo mais comum a violeta. Sua composição química é CaF2 (fluoreto de cálcio) e é proveniente dos EUA, Brasil, Inglaterra e Alemanha. Atua principalmente no chakra coronário (sétimo). As variedades de outras cores atuam nos chakras correspondentes àquelas cores. É uma pedra relativamente nova, que ainda está desenvolvendo seu potencial completo. É uma catalisadora de transmutação que pode levar à devoção inspiracional, à verdade cósmica e à sabedoria. Tem um potencial de cura semelhante ao da ametista. Ajuda em desordens mentais e no despertar espiritual. Os octaedros de vários tons podem ser usados no terceiro olho para ajudar na meditação e relaxamento. Trabalha com a mente consciente e é útil para colocar pensamentos em ordem, reduzir envolvimento emocional em situações em que se quer ganhar uma perspectiva mais acurada. É também utilizada para assimilação mais fácil de informações. Beneficia os dentes e os ossos, aliviando a artrite, o reumatismo e as dores na coluna. Aumenta a intuição e regulariza o apetite sexual. Manifesta o aspecto mais alto da mente; a mente em sintonia com o espírito. Facilita a comunicação interdimensional.

Goshenita

É o berilo incolor, transparente, que tem seu nome devido à jazida de Goshen, nos EUA. É também encontrada no Brasil. Sua composição química é Be3Al2 (SiO3)6 (silicato de alumínio e berílio). Ativa e energiza o chakra coordenador (nono), mas pode ser também usado no coronário. Ajuda a coordenar o movimento de energias entre todos os chakras e os corpos sutis, trazendo um estado de plenitude e conforto. Auxilia o indivíduo a manter a compostura e o autocontrole através das mudanças da vida e a dirigir a energia de cada revelação aos aspectos mais elevados do seu ser.

 

Granada

É um mineral de cor vermelho escuro, de transparente a translúcido, proveniente do Brasil, África do Sul, Checoslováquia, Austrália, Sri Lanka e Madagascar. Sua composição química é Fe3 Al2 (SiO4)3 (silicato de ferro e alumínio – variedade almandina) ou Mn3 Al2 (SiO3)2 (silicato de alumínio e manganês – variedade espessartita). Atua no chakra básico (primeiro) auxiliando no ancoramento, que significa estar presente no próprio corpo, e na habilidade para atuar de forma amorosa no plano físico. Dá energia e coragem e ajuda a sair de condicionamentos mentais. Fisicamente, trabalha diretamente com o sangue e a circulação. Seu uso é recomendado durante sangramentos, hemorragias e para todas as doenças relacionadas com sangue.

Heliodoro

Heliodoro_05 (1)

Pertence ao grupo do berilo, é de cor amarelo claro, transparente, e sua composição química é Be3 Al2 (SiO3)6 (silicato de alumínio e berílio). As principais jazidas estão na Rússia, Brasil, Namíbia e Madagascar.

Atua no sétimo chakra (coronário) e seu propósito é a conexão com a sabedoria do Eu Superior e da espírito. Ensina a parar de fazer o que não é necessário, filtrando as distrações e estímulos desnecessários. Aumenta a percepção psíquica, o otimismo e a felicidade.

Também é usado para trazer energia cósmica ao corpo físico através do chakra coronário e para auxiliar a mente consciente a reter informações. Como amuleto, é usado para proteger contra tempestades.

Heliotrópio

Faz parte do grupo do quartzo (calcedônia), é opaco e tem cor verde escura com pontos vermelhos. Sua composição química é SiO2 (óxido de silício), e é proveniente da Índia, Austrália, China, Brasil e EUA.

Atua sobre o chakra básico (primeiro) e seus pontos vermelhos trabalham para equilibrar deficiências de ferro no fluxo sanguíneo. Reforça e protege o sistema imunológico, sendo por isso recentemente muito usada no tratamento de pacientes com AIDS.

Pode ser também usada em quaisquer outros problemas do sangue e da circulação. Ajuda também a revigorar e estimular toda a saúde, a dar coragem, e a eliminar os medos e a raiva.

 

Hematita

É uma pedra opaca de cor cinzenta, encontrada em quase todo o mundo, principalmente no Brasil, Inglaterra, Alemanha e EUA. É um óxido de ferro (Fe2 O3), e por isso mesmo tem em sua essência a força do ferro e a natureza etérica do oxigênio, trabalhando tanto no corpo físico quanto no etérico. É um mineral que trabalha a metamorfose, incorporando elementos espirituais na forma física. A essência da hematita é de cor vermelha (quando passa por processos de polimento a água que escorre dela sai completamente vermelha) e por isso tem efeito direto sobre o sangue e sua circulação no corpo humano. Com o poder de fortalecer e purificar o sangue, é essencial no tratamento e prevenção de doenças como o câncer, leucemia, AIDS, anemia e diabete. Ajuda na coagulação, cicatrização, no controle de perda de sangue durante cirurgias e na purificação da corrente sanguínea. Sua principal missão é ancorar no corpo físico a essência do espírito. A hematita atua no chakra básico (primeiro) e principalmente no oitavo chakra, o “Estrela da Terra”, que é ativado e equilibrado por ela. Desta forma, a hematita constrói a ponte que liga a energia do espírito, que entrou através do “Estrela da Alma”, com as raízes do planeta. É uma pedra que promove o total ancoramento das energias na Terra, eliminando limitações da mente e promovendo um equilíbrio entre o sistema nervoso etérico e o sistema nervoso físico. Pode também ajudar a dissolver a negatividade. Fisicamente, é ótima para ser usada contra tonteiras, pressão baixa, após intervenções cirúrgicas e anestesia, e auxilia o sono quando usada em conjunto com a ametista. Auxilia no tratamento de cãibras e tem um grande poder de alinhar a coluna vertebral. Durante sessões de energização com cristais, deve-se sempre colocar hematitas nas mãos ou pés da pessoa, para que a energia recebida possa ancorar no corpo físico. É essencial o uso de hematita nos pés ou mãos quando se está trabalhando com pedras aceleradas nos chakras transpessoais. Sempre que houver uma exposição a um excesso de energia, a hematita deve ser usada dentro dos sapatos, para descarregar o excesso para a Terra.

Indiocolita (Turmalina Azul)

É um mineral transparente, encontrado em variados graus de azul, principalmente encontrado no Brasil, Sri Lanka e Madagascar.

Sua composição química é (NaLiCa) (Fe11MgMnAl)3 Al6[(OH)4(BO3)3Si6O18] (borossilicato complexo de alumínio de composição variável). Atua principalmente no chakra frontal (sexto), mas também pode ser usada no laríngeo e no cardíaco.

No frontal, ajuda a desenvolver a capacidade de concentração e de visualização e traz sensações de paz a mentes conturbadas; usada no laríngeo, permite uma expressão verbal mais clara e no cardíaco, acalma um coração zangado ou entristecido.

No entanto, a principal expressão energética da indicolita, como todas as outras turmalinas, está diretamente ligada à cura física ao nível celular. Para este tipo de aplicação, quando usada no chakra frontal, ajuda a combater todos os tipos de problemas dos órgãos da visão e da audição; no chakra laríngeo é usada contra dores de garganta, problemas de tireóide e problemas da fala.

Jade (Jadeíta)

malaquita

É um mineral verde, transparente, de composição química MaAl (Si2O6) (silicato de alumínio e sódio). É proveniente da Birmânia, China, Japão, México e Guatemala. No Extremo Oriente, é usada desde tempos imemoriais como pedra de cura em geral, proteção e harmonização emocional.
É também conhecida como pedra dos sonhos; pois aumenta a capacidade de lembrar dos sonhos e interpretá-los. Usada sob o travesseiro ajuda a liberar emoções reprimidas através do processo dos sonhos.

Era também muito usada pelos Maias e Astecas para trazer a paz equilibrando o físico, o emocional e o mental. Atua no chakra cardíaco (quarto) e seu uso é aconselhado como complemento a qualquer tipo de medicina oriental, pois sua vibração está em harmonia com este tipo de medicina.

Jaspe Vermelho

Pertence ao grupo do quartzo (SiO2 – óxido de silício), é opaco e cor de tijolo, encontrado em quase todo o mundo, principalmente no Brasil. Entre as inúmeras variedades do Jaspe, o vermelho é o mais usado para fins energéticos, auxiliando o processo de maior aceitação do corpo físico e da sexualidade.

Atua no segundo chakra (sexual), reduzindo sentimentos de vitimização e trazendo uma energia mais dinâmica e vivaz. É particularmente aconselhável para pessoas que sintam culpa ou vergonha por terem uma orientação sexual diferente, estimulando a auto-aceitação e a auto-estima.

Kunzita

Pertence ao grupo do Espodumênio, tem cor rosa claro ou rósea-violeta, é transparente e sua composição química é LiAl (Si2O8). É mais encontrada no Madagascar, Brasil, EUA e Birmânia. ativa e equilibra o chakra cardíaco (quarto), exprimindo o amor em ações.

Expande a energia amorosa do chakra cardíaco para os outros chakras. É uma pedra ótima para se usar junto ao coração. Manifesta o estado maduro do coração: aberto, desobstruído, seguro, forte, vibrante, radiante, equilibrado e amoroso. Une as pessoas à própria fonte infinita do amor. Seu objetivo é preparar o amor-próprio internalizado para que se expresse externamente.

Tem habilidade em criar equilíbrio entre a mente e o coração. Também é uma poderosa pedra pessoal de meditação. Pode-se usá-la para equilibrar estados emocionais negativos e/ou estados mentais perturbados. É também usada para atrair amor.

Labradorita

il_570xN.1027406003_39db

Pertence ao grupo do feldspato, é opaca. de cor cinzenta escura, apresentando um jogo de cores em tons metálicos brilhantes, frequentemente azuis e verdes. É mais encontrada no Canadá, Madagascar, México, Rússia, Finlândia e EUA. Sua composição química é Na(AlSi3O8)Ca(Al2Si2O8) (silicato de alumínio, cálcio e sódio). Atua no chakra frontal (sexto), estimulando a visualização e a imaginação. Facilita a transformação da intuição em pensamento, trazendo para o consciente as informações guardadas no subconsciente. Tem uma sintonia muito forte com a estrela Sirius, e as pessoas que se sentem atraídas pela labradorita geralmente têm algum relacionamento com aquele sistema estelar.

Lápis Lázuli

download (11)

É uma pedra opaca de cor azul anil (índigo), e de composição química Na8(Al6Si6O24)S2 (silicato de alumínio e sódio com enxofre). É proveniente do Afeganistão, Rússia e Chile. Atua no chakra frontal (sexto). Acalma a mente, desenvolvendo a intuição, a meditação e a sabedoria. Ajuda a aumentar as habilidades mentais e a sensibilidade à energia sutil. Fisicamente, ajuda a melhorar a concentração, a memória e a visão. É muito importante para os alicerces da Terra, pois representa luz absoluta. Toca o âmago do coração, do amor e da beleza, harmonizando tanto o interno quanto o externo. É uma pedra de contemplação e meditação. Tem grandes propriedades de cura e purificação. Ajuda a desenvolver a estabilidade e o poder da mente que possibilitarão atuação da força espiritual. Atrai a mente para o interior à procura de sua própria fonte de poder. No Egito antigo era moída e colocada nos olhos dos faraós que faleciam, para que eles pudessem enxergar as portas de entrada para a outra vida.

Larimar

É uma variedade da pectolita, opaca, de cor azul-celeste, apresentando traços brancos e às vezes avermelhados ou pretos. É proveniente da República Dominicana e sua composição química é NaCa2Si3O8 (OH) (silicato de sódio e cálcio hidratado). Atua principalmente no chakra laríngeo (quinto). Transmitindo a tranquilidade pacífica dos mares do Caribe, o larimar é uma pedra extremamente útil para unir a calma do coração à paz da mente, integrando o amor emanado pelo quarto chakra com o pensamento positivo. Através de seu uso, facilitamos a comunicação de nossa energia mais pura, passando aos semelhantes nossa compaixão e paz interior. Embora seja de origem vulcânica, o larimar apresenta as qualidades da água e do ar, esfriando emoções afogueadas, tensões e facilitando a comunicação tranquila, compreensiva e eficiente entre seres. É uma pedra profundamente ligada à energia dos golfinhos, à inteligência pura e intuitiva, simples e inocente. Traz alegria, bem-estar, e desperta nossos sentimentos mais puros. Embora pertença ao quinto chakra pode ser igualmente usada no sexto e no quarto, em situações onde necessitemos de nossa pureza interior para aplacar pensamentos raivosos ou negativos e emoções intensas de raiva, ciúme ou inveja. Diz a lenda que as piscinas e fontes de Atlântida eram revestidas de larimar, e por isso mesmo ela também é conhecida como mármore de Atlântida. Experimente usar larimar em regiões onde existam golfinhos e prepare-se para uma agradável surpresa.

Lepidolita

É a variedade lilás da mica, sendo também conhecida como mica roxa. Sua composição química é K(LiAl)3 (SiAl)4 O10 (F OH)2 (fluorsilicato básico de potássio, lítio e alumínio). É proveniente dos EUA, e do Brasil. Atua no chakra coronário (sétimo), causal (décimo) e cardíaco (quarto). A lepidolita une as energias dos raios rosa e violeta fazendo com que o amor gerado no coração atinja as mais altas esferas, através do equilíbrio dos chakras cardíaco e coronário e da ativação destas energias do plano causal. Com isso, prepara o caminho para a harmonização de sentimentos de auto-estima, aceitação, abertura, honestidade e perdão, provenientes do chakra cardíaco, com o intelecto e a energia do espírito. Desperta o amor à espiritualidade, por sua capacidade de sintonizar energias angélicas em alto grau. A lepidolita é uma pedra que ajuda nas transições, facilitando a restruturação e reorganização de padrões antigos de atitudes, crenças e pensamentos. Ela induz à mudança, quando necessário, estimulando a aceitação do novo. Fisicamente, ajuda a reduzir a tensão e o stress, auxilia o processo da digestão, e pode ser usada para aliviar cãibras nas pernas, tendinite, músculos tensos e para localizar áreas do corpo onde existam bloqueios energéticos

Malaquita

É um mineral opaco de cor verde clara a verde escura, e geralmente os traços de diversas tonalidades de verde formam lindos desenhos em sua superfície. Sua composição química é Cu2 [(OH)2 CO2] (carbonato básico de cobre). As malaquitas de melhor qualidade são provenientes do Zaire, mas também podem ser encontradas na Rodésia, Namíbia, EUA, Rússia, Austrália, Israel e Chile. É uma pedra do chakra cardíaco (quarto), mas também atua com grande eficácia sobre o plexo solar. Sua energia de cura é extraordinária, servindo praticamente para todos os fins curativos. É costume dizer-se que quando houver dúvida sobre qual pedra deve ser usada para um determinado mal. pode usar a malaquita pois, além de tudo, ela ajuda a restabelecer a saúde de uma forma geral. Colocada sobre o plexo solar, libera a tensão do diafragma e restaura a respiração profunda e plena. Ajuda o funcionamento de todo o aparelho digestivo, além do respiratório. Tem a qualidade de absorver energia podendo ser colocada sobre qualquer área doente ou dolorida para extrair a energia da dor e trazer à tona as causas pisico-emocionais. Emocionalmente, trabalha para revelar nossos medos mais profundos sobre mudança e crescimento, e nos auxilia a reconhecermos e utilizarmos nossos poderes. Por isso mesmo é uma pedra perfeita para trabalhar a abundância, a prosperidade e a manifestação de nossos desejos. Usada junto ao computador ou aparelhos de televisão, absorve a radiação emitida, protegendo os usuários. Para efeito de proteção contra acidentes de locomoção, deve ser sempre carregada dentro de automóveis, aviões e outros veículos. Junto à crisocola e à pedra da lua, é muito eficaz no tratamento e prevenção de qualquer tipo de câncer. Quando usada para extirpar dores ou doenças, deve ser limpa pelo processo da selenita imediatamente após o seu uso. Por ser derivada do cobre, a malaquita não reage bem ao sal e portanto sua limpeza energética nunca deve ser feita através do processo água / sal.

 

Moldavita

É um mineral de origem extraterrestre, formado por rochas fundidas pela queda de meteoritos na região da Moldávia. É transparente, de cor verde garrafa. Sua composição química é SiO2 (+Al2O3) (óxido de silício+óxido de alumínio). Atua no chakra coronário (sétimo). Ajuda a canalizar informação e energia de fontes extraterrestres ou interdimensionais. Equilíbrio entre corpo físico e mente. alinhamento com o Eu Superior. reconexão espiritual, envolvendo mudança e regeneração. Ajuda a desvencilhar-se de crenças limitadoras que o impedem de receber maior percepção espiritual. Tem muito em comum com seres originários de Sírius, Plêiades e Orion, e ajuda “star children” a se aclimatarem no planeta. Novo raio verde-marrom, combinação de cura (verde) na Terra (marrom). Comunicação conscientes com forças de origem “star-seed” (semente estrela).

Morganita

Pertence ao grupo do berilo, é transparente, de cor rosa-lilás, rosa, ou rosa alaranjado. Sua composição química é Be3Al2 (SiO3)6 (silicato de alumínio e berílio). É encontrada principalmente no Brasil, Madagascar, Moçambique, Namíbia e EUA. A morganita abre o chakra cardíaco para a recepção e transmissão da energia do Amor Incondicional a níveis multidimensionais. Ensina o amor ao Todo, a compreensão da ligação de nosso coração com o coração universal. É a pedra do Amor Universal, trazendo a nossos corações a vibração angélica canalizada através da Fenacita. Atua também sobre a respiração, fortalecendo fisicamente os pulmões e permitindo o fluxo da energia do amor por todo o nosso corpo. Às vezes apresenta nuances alaranjadas fundindo o rosa do Amor Universal com o dourado da Iluminação e da Sabedoria Cósmica. O uso da Morganita sobre o chakra cardíaco nos dá a sensação da unidade do Amor Total e ajuda-nos a compreender que pertencemos a um todo. A qualidade acelerada da Morganita aplica-se principalmente aos cristais de boa transparência. Os cristais mais opacos funcionam dentro da mesma vibração do quartzo rosa.

 

 

Obsidiana

É uma rocha vulcânica, amorfa, rica em óxido de silício. Sua cor é geralmente negra, do opaco ao translúcido, e é encontrada no mundo inteiro. A obsidiana mais usada é chamada de “Lágrima de Apache” (Apache tear), proveniente dos EUA, e que, apesar de negra, apresenta uma transparência quando olhada contra a luz. Trabalha no chakra básico (primeiro), ancorando forças espirituais ao corpo. Tem a propriedade de amplificar as emoções negativas para que as percebamos melhor. Ajuda a liberar a raiva e ativa um senso de poder positivo que nos move a tomarmos conta de determinada situação. Ensina o desapego, com sabedoria e amor, ajudando a liberação de crenças e hábitos antigos. A obsidiana tem um forte poder de absorção das energias negativas, mesmo as mais resistentes, funcionando até em casos de obsessão espiritual. Para não permitir que ela acumule a energia negativa absorvida, é imprescindível limpá-la pelo processo da selenita após cada uso. existe uma variedade de obsidiana negra opaca com pontos brancos que se assemelham a flocos de neve, e por isso mesmo é chamada de “obsidiana floco de neve”, que é mais suave e deve ser usada nos casos menos graves.

Lista de pedras: Ônix

Ônix

Pertence ao grupo do quartzo (SiO2 – Óxido de silício).

Existem várias cores de ônix, mas para efeitos energéticos o mais usado é o ônix negro. É encontrado no mundo inteiro.

Trabalha no chakra básico, agindo principalmente como pedra de ancoramento, que significa estar presente no próprio corpo.

Pode ser usado para eliminar a mágoa, para aumentar o autocontrole e para estimular o poder da tomada de decisões.

Pedra da Lua

Faz parte do grupo do feldspato, é geralmente incolor e translúcida, e sua composição química é K(AlSi3O8) (silicato de alumínio e potássio). É proveniente da Índia, Birmânia, Sri Lanka, Austrália, Brasil, Madagascar, Tanzânia e EUA. Atua no quarto chakra, fazendo conexão com a energia da lua e o aspecto feminino de nossa natureza emocional, abrindo o ser à parte feminina da personalidade, para que ele possa integrar-se inteiramente na unicidade. Ajuda a acalmar e equilibrar as emoções, trazendo-as sobre o controle da vontade superior, em vez de reprimi-las. Age como guardiã à entrada do subconsciente e serve para nos proteger das nossas próprias emoções. Auxilia os homens a se sintonizarem mais com o aspecto feminino de sua natureza. Fisicamente, estimula a glândula pineal a ajudar nos processo do crescimento, ajuda nos pequenos desequilíbrios das endócrinas nas mulheres, e pode ainda auxiliar na limpeza de linfáticos congestionados. É também usada na prevenção e tratamento do câncer.

Pedra do Sol

il_570xN.1101468400_be7l

Pertence ao grupo do feldspato, é opaca, de cor alaranjada cintilante. Sua composição química é Na(AlSi3O8)Ca(Al2Si2O8) (silicato de sódio, cálcio e alumínio). Existem jazidas nos EUA, Índia, Canadá, Noruega e Rússia. Atua no plexo solar (terceiro chakra), ativando o nosso sol interior e irradiando sua luz para facilitar o fluxo livre de energias. Pode ser usada para dissipar medos, aliviar stress, aumentar a vitalidade e para encorajar a independência e a originalidade.

Na Grécia antiga, era usada para representar o Deus Sol, trazendo vida e abundância aos que a usavam. Na Índia, era usada pelos antigos como proteção contra as forças destrutivas dos reinos sobrenaturais.

Peridoto

images (8)

Também conhecido como Crisólita ou Olivina, é um mineral de cor verde amarelada, transparente, e sua composição química é (MgFe)2 SiO4 (silicato de ferro e magnésio). É proveniente do Egito, Birmânia, Austrália, Brasil, África do Sul, EUA, Zaire e Noruega. O peridoto é um calmante, purificador e equilibrador do corpo físico. Atua principalmente no chakra cardíaco (quarto) e no plexo solar (terceiro). Auxilia a digestão de alimentos e alivia a prisão de ventre e as condições de inflamação do intestino. Estimula a cura dos órgãos do aparelho digestivo, principalmente fígado, rins e vesícula. Ajuda a equilibrar o sistema endócrino, principalmente as glândulas endócrinas que controlam a saúde do corpo físico e associam-se diretamente aos chakras. Age como um tônico para animar e acelerar todo o organismo, deixá-lo mais forte, sadio e radiante. Pode afetar certos estados emocionais negativos, como raiva e inveja. Purifica e cura mágoas, egos feridos e ajuda a reparar relacionamentos deteriorados. Cura mordidas de insetos e ajuda em doenças do fígado. É também usado para atrair amor e acalmar a raiva.

Muita Luz, Gratidão

to_upload_by_egresh-d7zvc03 (2)

Acabamos de abrir as inscrições do Curso A Era dos Cristais Avançado, após muito trabalho e muitas horas de canalizações trazemos um rico material que transformará, transmutará e irá mudar sua visão sobre os Cristais. Vai ficar fora dessa?

Acesse:
https://escolaflordavida.com/inscricao-a-era-dos-cristais/

Edgar Martins

Fonte: Antonio Duncan

LOGO-ESCOLA-FLOR-DA-VIDA

Sobre o autor | Website

Deixe um comentário abaixo:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!