Todos os Artigos Edgar Martins

TUDO RETORNA

Há dois mil anos nos foi ensinado que a semeadura é livre, mas a colheita é obrigatória. Será que, de fato, nós já conseguimos aceitar que a semeadura segue seu curso natural e tudo que oferecemos à vida o universo naturalmente nos retribuirá? À cada situação de desajuste na qual nos encontramos, de imediato, nós procuramos uma razão para tal e se não identificamos nada que a justifique, nós nos colocamos na condição de vítimas e injustiçados.

Aceitar que todos os acontecimentos da existência são reflexos de nossas próprias atitudes poderá não nos trazer consolo diante de tais situações, mas no mínimo nos fará sair da inércia que toma conta de nossa intimidade diante desses fatos. O acaso não existe, tudo tem seu porque, mesmo que em um primeiro instante não consigamos compreender.
Não custa lembrar que, o tempo é senhor da razão e traz todas as respostas, que, a vontade é a força que move o Espírito, que, todos nós fomos criados para sermos melhores independente de quem hoje nós somos e que tudo se renova em nossa interminável trajetória de eternos aprendizes. “Quem joga rosas é o primeiro a se perfumar. Quem atira lama é o que mais se enlameia.”

Muita Luz,

Edgar Martins

Fontes ( Autor) : Renato Moura  Passos, 29 de agosto de 2013.

https://www.facebook.com/pg/Conexaoastral/posts/

Sobre o autor | Website

Deixe um comentário abaixo:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!